“A minha casa é uma pauta” já regressou às gravações

O projeto “a minha casa é uma pauta”, lançado pela companhia de teatro Lendias d’Encantar e pelo Musibéria, regressou esta semana às gravações.

Após uma paragem para férias, os estúdios do Musibéria, em Serpa, começaram a receber a partir de ontem, 7 de setembro, os últimos músicos que participam naquele disco dedicado ao período de confinamento a que o país esteve sujeito.

O objetivo daquela iniciativa é, segundo a Lendias d’Encantar, “diminuir os impactos negativos da pandemia da Covid-19 na vida profissional de artistas do Alentejo”.

De acordo com a nota de imprensa enviada à Rádio Pax, “ aquelas duas entidades artísticas desafiaram, no passado mês de junho, músicos do alentejo a comporem letra e músicas originais que «refletissem de alguma forma, os sentimentos, os desafios, os receios que todos sentimos enquanto estivemos encerrados sem poder trabalhar» adiantou António Revez, Diretor Artístico da Lendias d’Encantar e promotor da ideia”.

A produção musical daquele trabalho é da responsabilidade do músico Paulo Ribeiro.

Às duas entidades organizadoras do projeto, juntou-se também a Direção Regional de Cultura do Alentejo.