Aeroporto: Paulo Arsénio considera que Beja pode ser complementar a Faro

O presidente da Câmara de Beja defende que o Aeroporto de Beja pode ser complementar a Faro no que respeita ao transporte de passageiros.

O aeroporto de Faro tem uma capacidade para 5 milhões de passageiros/ano e já atingiu os 8 milhões de passageiros/ano.

Paulo Arsénio entende que Beja tem mais dificuldade em afirmar-se como complemento a Lisboa.

Beja é o Aeroporto “mais próximo de Faro e o Algarve tem um enorme fluxo turístico”, disse o autarca em entrevista à Rádio Pax.

A complementaridade de Beja “deve ser estabelecida a Sul” entende o presidente da Câmara de Beja enquanto alerta para a necessidade de incluir a cidade nos roteiros turísticos dos operadores.

Paulo Arsénio defende a criação de condições para a fixação dos turistas em Beja.