Águas Públicas do Alentejo investe 2,6 M€ em novos sistemas

A AgdA – Águas Públicas do Alentejo anuncia um investimento de 2,6 milhões de euros para melhorar o abastecimento de água a Ermidas do Sado, Foros do Locário e Fornalhas Velhas, a partir da ETA do Roxo.

A empreitada arrancou esta semana. A obra, segundo a Águas Publicas do Alentejo, “encontra-se integrada num leque mais alargado de investimentos (…) neste Subsistema de Abastecimento, que inclui a remodelação da ETA do Roxo (fase I e fase II) e a adução a Alvalade do Sado, abrangendo os Municípios de Aljustrel e de Santiago do Cacém, no valor global, para este Subsistema, de 10,8 milhões de euros”.

Este investimento, adianta a mesma fonte, vai “assegurar a qualidade e a quantidade de água necessária ao abastecimento a estes aglomerados, permitindo abandonar os diversos sistemas autónomos que actualmente servem de forma deficiente as populações a partir de origens subterrâneas com alguns problemas de qualidade e em alguns casos também de produtividade”.

Com estes investimentos, “a entidade gestora responsável pelo Sistema de Parceria Pública Integrado de Águas do Alentejo assegura a resiliência dos sistemas de abastecimento de água permitindo-lhes melhorar a qualidade da água distribuída e responder mais eficazmente a situações de escassez de água”.