Alentejo vai ser capaz de receber o “turista português em condições de segurança sanitária”

Numa altura em que a maioria dos portugueses tem receio de viajar, devido à pandemia da Covid-19, a ERT- Entidade Regional do Turismo do Alentejo e Ribatejo está a preparar uma certificação sanitária que pretende garantir condições de segurança nos estabelecimentos da região.

António Ceia da Silva, presidente da ERT refere que tudo o que está a acontecer é uma “situação anômala” que está a “afetar o mundo inteiro”.

“Numa altura em que [a Direção Geral da Saúde] aconselha o distanciamento [social] o turismo foi o primeiro setor a ser penalizado”, lamenta o presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo.

Ceia da Silva considera que é “difícil o mercado internacional reatar”. A solução encontrada é o “lançamento de uma grande campanha [turística] para o mercado interno”.

O lançamento está previsto para os finais de Maio/ Junho. A campanha terá grande impacto ao nível das redes social e do meio digital.

Em Portugal, o Alentejo, é segundo António Ceia da Silva, “a região que mais vantagens tens para conquistar o turista português que está desejoso de tirar uns dias de férias, em condições de segurança sanitária”.

A região Alentejo é “a que melhor pode oferecer as condições de distanciamento, segurança, calma e tranquilidade”, refere o presidente da ERT.