Aljustrel: CDU exige “alternativa à passagem de minério pelo centro da vila”

A Assembleia de Freguesia da União de Freguesias de Aljustrel e Rio de Moinhos aprovou por unanimidade, a moção “Pela alternativa à passagem do minério pelo centro da vila”.

O documento apresentado pela CDU exige à Câmara de Aljustrel que “desenvolva procedimentos no imediato, de forma a garantir a retirada do centro da vila dos pesados oriundos, e com destino à mina, encontrando alternativas, dentro do couto mineiro, que minimizem os efeitos da passagem diária das largas de dezenas de pesados”.

A moção reclama à autarquia “a construção da Variante à Vila de Aljustrel”, algo que segundo a CDU é “uma infra-estrutura fundamental para o concelho”. Segundo o documento, enviado às redacções, a construção da Variante tem sido “escrita nos sucessivos orçamentos municipais, mas nunca foi iniciada”.

Por ultimo, os eleitos da CDU na Assembleia de Freguesia exigem a “reabertura do ramal ferroviário de Aljustrel, em conjunto com a modernização da Linha do Alentejo, criando assim uma alternativa menos poluidora para os aljustrelenses e permitir o transporte dos concentrados em melhores condições ambientais e de segurança rodoviária”.

Rui Nunes, presidente da Assembleia de Freguesia explicou à Rádio Pax que esta moção aprovada por unanimidade pretende encontrar soluções para minimizar o trânsito “inerente à actividade mineira”.

De acordo com o presidente da Assembleia de Freguesias, a empresa já está “a estudar algumas alternativas”.