António Costa convicto na reeleição de Paulo Arsénio

“Há quatro anos, para muitos, terá sido uma surpresa a eleição de Paulo Arsénio para presidente da Câmara de Beja, quatro anos passados é para todos uma certeza a sua reeleição”.

A afirmação foi feita por António Costa, ontem à noite, em Beja, num comício de apoio à candidatura do PS “Sentir Beja”, bem como, a todas as candidaturas do PS no distrito de Beja.

O secretário-geral do PS afirmou que “foi com Paulo Arsénio e com o PS que Beja entrou no caminho certo e está a garantir o futuro”.

António Costa mostrou-se convicto que, no próximo domingo, dia das eleições autárquicas, será renovada a maioria do PS, em Beja, com a reeleição do atual presidente, bem como, com a eleição da quarta vereadora, Maria João Ganhão.

Na sua intervenção, Paulo Arsénio mostrou-se confiante na vitória, e não poupou críticas à oposição comunista.

Paulo Arsénio apontou o dedo ao PCP por ter sido “sistematicamente contra” projetos como o Hospital Privado ou a Praia Fluvial dos 5 Reis, dizendo que “agora rendido à evidência já diz que é a favor, mas se tivesse feito, teria feito melhor”. Para o socialista esta é uma evidência do “desnorte ideológico em que se encontra o PCP em Beja”, apenas para, “conseguir votos”.

Afirmando que “nesta altura já é claro para todos que não vamos voltar atrás”, referindo-se à CDU, Paulo Arsénio disse ter, apenas, “uma pequena dúvida”: se em Beja vai ser eleito o quarto vereador.