Barragem do Roxo com 15% de água

Os dados constam do Boletim de Armazenamento das Albufeiras publicado pelo Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos (SNIRH).

Na Bacia do Guadiana, uma barragem (Enxoé) estava acima dos 80% da sua capacidade máxima. Alqueva a 77,6% era a única albufeira entre os 50% e os 80% do seu limite. Sete barragens estavam abaixo dos 50% da sua reserva máxima de água. O caso mais preocupante é o da Vigia que se encontrava a 16,3% do limite.

Na Bacia do Sado uma albufeira encontrava-se entre os 50% e os 80%. As restantes nove tinham disponibilidades abaixo dos 50% da capacidade máxima. O Roxo, que abastece Beja, é o caso mais preocupante com um volume de água na ordem dos 15,3% da sua capacidade total.

Na Bacia do Mira, uma barragem estava acima dos 80% e outra entre os 50 e os 80% do seu máximo.