Câmara de Beja aprovou Orçamento de 33,8 M€

A Câmara Municipal de Beja aprovou ontem as Grandes Opções do Plano e o Orçamento para este ano no montante de 33,8 milhões de euros. As propostas passaram com os votos a favor da maioria socialista e a abstenção dos eleitos comunistas.

Paulo Arsénio, presidente da Câmara de Beja, adiantou à Rádio Pax que o Orçamento deste ano é marcado pelo “rigor e transparência”.

O autarca fala num “Orçamento de transição” que “começa a abrir janelas de uma nova perspectiva para Beja a médio prazo”.

Para 2018 são prioridades o aumento do valor das transferências para as freguesias do concelho e para os Bombeiros Voluntários de Beja. A Câmara vai apostar na recuperação urbanística. A autarquia promete uma intervenção “mais musculada e diferenciadora” no Mercado Municipal, nas Piscinas Descobertas e na Casa da Cultura.

O desporto, o Parque Habitacional e os arruamentos nas freguesias são outras prioridades.

A proposta de Orçamento e as Grandes Opções do Plano da Câmara serão votadas na próxima sessão da Assembleia Municipal de Beja.