Câmara de Beja avança com Orçamento Participativo em 2020

A Câmara de Beja espera ter concluída, no mês de Junho, uma proposta para a criação do Orçamento Participativo.

O executivo começou a trabalhar nesta matéria no início deste ano. Já incorporou na proposta sugestões do Grupo de Trabalho da Assembleia Municipal.

Paulo Arsénio, presidente do município de Beja, espera que o Orçamento Participativo entre em vigor no próximo ano para que os munícipes possam apresentar à Câmara propostas de investimento que consideram necessárias para o concelho.

Paulo Arsénio esclarecia uma dúvida levantada por Gina Mateus, eleita na Assembleia Municipal de Beja pelo Bloco de Esquerda/Por S. Matias com Todos.