Câmara de Moura reforça medida “Prato Quente”

Como forma de apoiar as famílias que sofreram um decréscimo nos rendimentos familiares a quando da pandemia Covid-19, a Câmara Municipal de Moura decidiu reforçar em 12 mil euros a medida “Prato Quente” cuja missão é dar resposta à carência alimentar e chegar às famílias mais fragilizadas.

Presentemente a medida apoia 72 beneficiários, num total de 35 famílias nas diversas freguesias do concelho.

O “Prato Quente” presta apoio diariamente e, de acordo com Câmara, “todas as semanas chegam novos pedidos de ajuda de pessoas que por via da Covid-19 não conseguem manter a sua autonomia financeira”.

“Numa comunidade solidária e responsável como a nossa, muitos têm sido os donativos, quer em géneros, quer monetários, que tornam esta medida social mais robusta. São gestos como estes, que merecem reconhecimento e que fazem valer a pena produzir sinergias em prol de quem mais precisa”, afirma a Câmara de Moura.