CGTP vai lançar petição pelo direito ao emprego e protecção do desemprego

A Inter Sindical declarou também o dia 1 como um “Dia Nacional de Luta” que vai contar com manifestações e concentrações em todos os distritos do país.

Com a petição a CGTP pretende o Estado execute políticas de pleno emprego, que garantam a todos, o direito ao trabalho”; alargue o subsídio social de desemprego (…) a quem tenha esgotado o subsídio de desemprego e o subsídio social de desemprego, durante o período de crise e que esta medida seja financiada através de “transferências do Estado para a Segurança Social, apoiadas em recursos adicionais, obtidos através da tributação dos rendimentos de capital”.

Casimiro Santos, coordenador da União de Sindicatos do Distrito de Beja, refere que o “Dia Nacional de Luta” é “o culminar de diversas iniciativas que a CGTP está a desenvolver”, como plenários e sessões de esclarecimento. O mesmo responsável espera que esta petição seja uma “grande campanha” em defesa do emprego e dos direitos laborais dos trabalhadores.