CIMBAL tem de identificar investimentos para 2020

O anúncio foi feito ontem pelo secretário de Estado do Desenvolvimento Regional, Manuel Castro Almeida.

O Governo irá indicar, em breve, o financiamento disponível para cada um dos eixos prioritários dos fundos europeus para que as comunidades intermunicipais possam apresentar candidaturas sob a forma de pactos para o desenvolvimento e coesão. Segundo o secretário de Estado, o plano de acção deverá respeitar a estratégia de desenvolvimento aprovada no seio das comunidades. Em causa não estão os projectos apresentados por cada município, mas sim o conjunto de investimentos projectados ao nível supramunicipal, que, no entender do governante, é privilegiado pelo Portugal 2020.

A Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo tem, desta forma, de projectar três quartos do investimento a desenvolver até ao final do actual quadro de apoio.