Comissão da Proteção Civil de Moura propõe encerramento de escolas

A Comissão Municipal de Proteção Civil de Moura, reunida no último sábado, aprovou, por unanimidade, uma proposta de recomendação, para os próximos 15 dias, que prevê o encerramento das escolas do concelho.

No decorrer desta reunião, onde estiveram presentes as várias entidades que integram esta Comissão, incluindo os diretores dos agrupamentos de escolas de Moura e de Amareleja, foi realizado um ponto de situação relativamente ao impacto que a pandemia Covid-19 está a ter junto da comunidade escolar do concelho.

“Na última semana, o número de casos ativos de Covid-19 e o número de pessoas em vigilância ativa nos estabelecimentos de ensino de escola de Moura e de Amareleja subiram substancialmente”, frisa o comunicado.

Nesse sentido, a Comissão propõe que sejam encerrados, em Amareleja, todos os níveis de ensino na escola sede, mantendo-se em funcionamento as escolas de 1.º ciclo e pré-escolar de Póvoa de São Miguel, Safara e Santo Aleixo da Restauração.

Já em Moura, a proposta recomenda o encerramento de todos os estabelecimentos de ensino do 2.º ciclo, 3.º ciclo e Secundário, assim como, o encerramento da Escola Profissional de Moura, mantendo-se em funcionamento os estabelecimentos do 1.º ciclo e pré-escolar.

A proposta de recomendação foi encaminhada para a Autoridade de Saúde Pública, entidade a quem compete implementar as recomendações constantes no documento.

Álvaro Azedo, presidente da Câmara de Moura, disse à Rádio Pax que, entretanto, “já tiveram acesso ao parecer da Autoridade de Saúde Pública que dá cobertura à intenção da Comissão” em encerrar alguns níveis de ensino.

O autarca esclarece que, agora, aguarda-se que “a autoridade maior” valide a proposta que, garante, “daria algum conforto” em conter a expansão da pandemia, nomeadamente, na comunidade escolar.