Covid-19: GNR já descontaminou mais de 900 instalações

Desde o início da pandemia da Covid-19, a GNR já descontaminou, em todo o país, mais de 900 instalações, através dos militares do Núcleo de Matérias Perigosas da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro.

Mesmo com o desconfinamento, a Guarda Nacional Republicana frisa que vai continuar a empenhar os cerca de 60 militares altamente especializados em matérias perigosas e agentes NRBQ (nucleares, radiológicos, biológicos e químicos) quase, diariamente, para a descontaminação de estabelecimentos hospitalares, IPSS, lares de idosos, creches, centros de dia, e outro tipo de infraestruturas, incluindo-se as instalações e viaturas da própria GNR.

Desde o início deste ano, até ao momento, já foram descontaminadas 287 instalações, 124 das quais lares.

Ainda de acordo com a nota de imprensa da GNR, “estes militares têm vindo a efetuar ações de sensibilização a entidades com responsabilidades nas infraestruturas mais afetadas pela pandemia Covid-19, e a promover ações de formação a agentes de proteção civil de vários locais do território nacional”.