Dadores de sangue de Beja apelam à dádiva

Depois da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo é a vez da Associação de Dadores de Sangue de Beja vir a público apelar à dádiva.

No Hospital de Beja as reservas de sangue estão em baixo, à semelhança do que acontece noutras unidades do país.

Francisco Reis, presidente da Associação de Dadores de Sangue de Beja atribui à gripe e às infeções respiratórias, registadas nesta altura do ano, a quebra verificada no volume de doações.

O mesmo responsável acredita que em breve será reposto o número de dádivas. A Associação tem na agenda a realização de cerca de meia centena de colheitas de sangue, este ano, no distrito de Beja.