Dragagem do Guadiana avança

A empreitada para navegabilidade do troço do Rio Guadiana, entre Alcoutim e Pomarão, vai avançar 13 quilómetros, revela o Correio da Manhã (CM).

O concurso para concretização da dragagem do rio foi aberto pela Direcção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM).

A empreitada, orçada em cerca de meio milhão de euros, tem como objectivo assegurar a navegabilidade do troço do Guadiana que liga o Algarve ao Alentejo.

De acordo com o CM, a intervenção tem um prazo de execução de três meses.

A dragagem será feita por “water injection” [injeção de água] ou outro método sem remoção de sedimentos.

O desassoreamento do Rio Guadiana é uma preocupação há muito expressa pela Câmara de Mértola.

O projecto de dragagem tem conhecido avanços e recuos na última década.