EDIA apresenta modelo participativo aos agricultores em Beja

A Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas de Alqueva (EDIA) termina hoje a apresentação do Modelo Participativo dos Perímetros de Rega de Alqueva aos agricultores.

Para as 9 sessões agendadas foram convidados cerca de 6 mil agricultores.

As reuniões, abertas a todos os agricultores e proprietários, pretendem “abordar, para além das informações gerais de apoio ao agricultor, também a avaliação de satisfação do serviço prestado pela EDIA e o novo tarifário da água”, revela a empresa.

As ultimas três sessões decorrem ao longo desta terça-feira, no auditório da EDIA, em Beja.

Esta iniciativa acontece numa altura em que a campanha de rega se aproxima do fim.

Segundo a EDIA, “Alqueva esteve a garantir o regular fornecimento de água às áreas directamente servidas pelo Empreendimento e aos perímetros confinantes durante um período extremamente crítico do ponto de vista climatérico, cumprindo a sua principal função associada à Reserva Estratégica de Água, elemento diferenciador de outros perímetros de rega existentes”.

A empresa realça que Alqueva apresenta uma reserva utilizável de água com cerca de 1 850 milhões de metros cúbicos (58% da capacidade útil da albufeira ou 69% da capacidade total) o que permite “garantir a sua regular distribuição durante mais três anos de seca”.