Escola Santiago Maior apoia famílias carenciadas

A Escola de Santiago Maior, que faz parte do Agrupamento nº1 de Beja está a acolher filhos cujos pais exercem funções nos serviços essenciais, nesta altura de confinamento.

Nesta quinta-feira existiam 14 crianças filhos de profissionais de saúde que entre as 08h45 e as 18h30 preenchem o dia na escola.

Os alunos são maioritariamente crianças do pré-escolar e primeiro ciclo de diversos estabelecimentos de ensino da cidade.

A Santiago Maior está, também, a fazer o levantamento de refeições em regime de take away às famílias mais carenciadas, independentemente de o filho frequentar ou não o agrupamento de escolas nº1.

Neste caso, apenas é necessário que o educando tenha escalão A ou B, ou desde que seja possível comprovar essa necessidade de ajuda.

Recorde-se que no âmbito da Rede de Creches de Referência do distrito existem 14 instituição a acolher- em cada concelho- os filhos ou dependentes de profissionais dos serviços essenciais, cuja mobilização para o serviço ou prontidão impeça que prestem apoio aos mesmos.

No concelho de Beja, fazem parte dessa rede o Centro Paroquial e Social do Salvador, o Patronato de Santo António e o Centro Infantil da Santa Casa da Misericórdia.