Festival Islâmico marca visitantes

Rosinda Pimenta, Vereadora do pelouro da cultura da Câmara Municipal de Mértola esteve à conversa connosco pelas ruas históricas de Mértola,  que por estes dias nos transportam, através dos tempos. Confessou a sua satisfação por mais este evento que a “Vila Museu” acolhe.

São ruas e caminhos que se enchem de gentes, proveniente de vários  pontos do País,  da vizinha Espanha e de outros cantos do Mundo, não fosse Mértola, já por si, um local de passagem, o qual por estes dias oferece a magia do festiva Islâmico.A forma como a vila fica transformada, num imenso Souk, o exotismo do festival, os seus  aromas, o colorido e a musica diversa.  Um encontro e  rencontro de visitantes , novos e repetentes, afirma Rosinda Pimenta. Quem visita o Festival fica desejoso de voltar numa nova edição.

Para a vereadora  o Festival Islâmico de Mértola vai se tornando aquilo que designa de uma grande família,  devido à marca que deixa nas pessoas,  pelo seu cariz cultural e intercultural.

A Vila transforma se num lugar de encantos,  “transportando os visitantes  para uma Mértola que já tivemos e nos faz viajar através dos tempos”, conclui.