GNR inicia Operação “Comércio Seguro”

A Guarda Nacional Republicana (GNR), iniciou hoje a operação “Comércio Seguro” com o objectivo de “garantir a segurança dos comerciantes e clientes, fruto do aumento de fluxo de pessoas em espaços e áreas de comércio, que tradicionalmente caracteriza esta época natalícia”.

Até 24 de Dezembro vão estar envolvidos 3 400 militares dos comandos territoriais do país que realizarão acções de sensibilização junto de comerciantes, alertando-os sobre os procedimentos de segurança a adoptar, com o intuito de evitar que sejam alvo de crimes.

A GNR reforça ainda o patrulhamento nas zonas de comércio.

Para os comerciantes, a GNR aconselha que tenham as entradas/saídas do estabelecimentos bem iluminadas; verifiquem se as portas e janelas estão devidamente fechadas depois de encerrarem; não tenham grandes quantidades de dinheiro nas lojas nem uma rotina para a realização dos depósitos bancários.

Em caso de assalto, a GNR recomenda que mantenha a calma, não reaja, memorize os traços fisionómicos do assaltante, não mexa em nada e contacte a GNR.

Para os consumidores, a GNR aconselha que evitem transportar grandes somas de dinheiro e objectos de valor; coloquem a mala de mão ou pasta do lado oposto à berma, mantendo-se junto dos edifícios e evitem circular em locais isolados e pouco iluminados.

Em caso de assalto, não ofereça resistência, colabore com o assaltante, tente reter na memória informação sobre o agressor e contacte a GNR.