GNR reforça patrulhamento nas zonas residenciais

A GNR está a reforçar, até sexta- feira, o patrulhamento nas zonas residenciais.

Os militares vão alertar a população sobre os procedimentos a adoptar para evitar situações de furto e roubo em residências. A acção consiste na distribuição de um folheto alusivo à operação “Residência Segura”.

A Guarda Nacional Republicana informa que os crimes ocorrem maioritariamente em dias úteis, durante o período da tarde. Para evitar estes incidentes é necessário adoptar comportamentos preventivos.

A GNR aconselha a não abrir a porta de casa nem a do prédio sem verificar bem quem está a tocar à campainha, não sair de casa sem fechar bem todas as janelas e trancar as portas e portões de acesso. Durante a noite, mesmo estando em casa, trancar todas as janelas e portas.

Aos moradores do rés-do-chão e do 1º andar, os militares recomendam a instalar grades de ferro nas janelas, a ter as entradas bem iluminadas e a não guardar objectos de grande valor ou grandes quantias em dinheiro em casa.

A GNR pede que em caso de presenças estranhas nas redondezas da casa, tentar conformar as suspeitas e em caso de dúvida, prevenir as autoridades. Quando confrontado com um assaltante, tentar manter a calma, não discutir com ele e não olhar directamente para o individuo, procurar memorizar as suas feições para descrever às autoridades e principalmente não reagir.

A Guarda Nacional Republicana aconselha ainda a ter sempre à mão os números de telefone do posto da GNR da área de residência e em caso de emergência ligar 112.