Grávidas de Beja sem serviço de urgência de ginecologia e obstetrícia até amanhã

O serviço de urgência de ginecologia e obstetrícia do Hospital de Beja está encerrado até às 8 horas de amanhã.

Em causa está a falta de médicos da especialidade para o preenchimento da escala do Serviço de Urgência.

A ULSBA “procederá” assim “à transferência das utentes que recorram ao Serviço de Urgência e Obstetrícia”.

O serviço de internamento da especialidade para as utentes já internadas mantem-se em funcionamento.

Recorde-se que no Hospital José Joaquim Fernandes existem neste momento 26 casos de Covid-19. De entre os profissionais de saúde encontram-se infetados nove médicos, 12 enfermeiros e cinco assistentes operacionais.