Habitações cada vez mais caras no Alentejo

O valor médio de avaliação bancária realizada no âmbito da concessão de crédito à habitação situou-se, em Outubro passado, no Alentejo, nos 1 016 euros/m2.

De acordo com os dados do INE – Instituto Nacional de Estatística, o preço das habitações na região subiu 0,4% face ao mês anterior (Setembro) e 4,6% comparativamente a Outubro de 2017.

O preço dos apartamentos foi de 1 036 euros/m2. Os dados do INE revelam uma subida de 0,7% face a Setembro e um aumento de 7,4% comparativamente com o mês homólogo.

As moradias foram avaliadas, no Alentejo, em 1 002 euros/m2, o que representa crescimentos de 0,2% comparativamente ao mês anterior e de 2,9% face ao mês homólogo.

O valor médio de avaliação bancária para o total do país fixou-se em 1 212 euros em Outubro, superior em 7 euros ao observado no mês anterior.

Este valor representa um aumento de 0,6% relativamente a setembro e 6,2% face ao mesmo mês do ano anterior.