INE estima aumento da produtividade dos cereais

As previsões agrícolas do INE- Instituto Nacional de Estatística, a 30 de Abril, apontam para aumentos de produtividade nos cereais de Outono/Inverno face à campanha anterior.

De acordo com o Boletim Mensal de Agricultura e Pescas do Instituto, os últimos dois meses foram bastante favoráveis para o desenvolvimento das culturas cerealíferas que se encontram na fase do espigamento. As perspectivas são de aumentos de produtividade, face a 2017, na ordem dos 15% no trigo, cevada e aveia e 20% no triticale. O centeio deverá manter o rendimento unitário do ano passado.

A precipitação e as temperaturas “relativamente amenas” foram muito favoráveis para o desenvolvimento dos prados e culturas forrageiras, que no final de Abril “se apresentavam ainda com muita massa verde”, adianta o INE. A alimentação dos efectivos pecuários em regime extensivo mantém-se em pastoreio pleno, sem necessidade de recurso a suplementos.

O Boletim de Agricultura frisa que no final de Abril, os valores de água no solo eram “superiores a 80% nas regiões do Norte e Centro sem, no entanto, se verificarem situações de saturação. No Baixo Alentejo já se observam valores inferiores a 60%”.