Luís Ameixa condena “ardilosas manobras do PCP”

João Ramos acusou Luís Ameixa de não ter estado presente na discussão dos Projectos de Resolução apresentados pelo Partido Comunista em defesa das acessibilidades e do aeroporto.

Luís Ameixa emitiu um comunicado onde assegura que fez uma intervenção em plenário e anunciou a entrega de Declarações de Voto sobre os projectos, por escrito, visto ser  a única forma regimental de tomar posição sobre os mesmos. 

O deputado do PS não compreende as razões que levaram o PCP a não colocar os Projectos para discussão em plenário. Luís Ameixa frisa que na Comissão de especialidade onde os mesmos foram debatidos, não participou por não ser membro e por ter outras obrigações em simultâneo.

Luís Ameixa garante que se o PCP tivesse agendado os Projectos de Resolução para Plenário, onde estão todos os deputados, teria intervido, como sempre aconteceu no que diz respeito a Beja.

O deputado do PS eleito por Beja lembra que as grandes obras da região foram lançadas pelos governos do Partido Socialista.

Luís Ameixa não compreende como é que o PCP apresenta Projectos onde recomenda a concretização de obras quando a actual legislatura está a terminar.