Mértola ocupa jovens e desempregados de longa duração

A Câmara de Mértola está a receber inscrições, até dia 6 de Setembro, para os programas de ocupação municipal temporária de jovens e de desempregados de longa duração.

O objetivo “é integrar os jovens do concelho em contexto laboral e valorizar os cidadãos mediante a criação de oportunidades de trabalho na área de residência”, explica o Município de Mértola.

O Programa de Ocupação Municipal Temporária de Jovens tem como destinatários desempregados à procura do primeiro emprego, ou que se encontrem desempregados há mais de seis meses, com idades entre os 18 e 30 anos, e residentes no concelho há mais de dois anos. Os jovens selecionados desempenharão funções em diversas áreas da autarquia, sempre supervisionados por um orientador.

Mário Tomé, vereador da Câmara de Mértola explica que o programa é uma “ferramenta de capacitação (…)  que encaminha” os jovens e desempregados de longa duração para o acesso a novas oportunidades.

O Programa de Ocupação Municipal de Desempregados de Longa Duração pretende contribuir para “a valorização pessoal dos cidadãos e melhorar a sua qualidade de vida, mediante a criação de oportunidades de trabalho na área de residência”.

Os destinatários são os desempregados inscritos no Centro de Emprego há mais de 12 meses, residentes no concelho de Mértola, há mais de dois anos, e com idades entre os 31 e 65 anos.

O vereador do Município refere que estão abertas um total de 50 vagas: 25 para desempregados de longa duração e outras 25 para jovens.

Os interessados no programa devem inscrever-se nas instalações da Câmara Municipal de Mértola, através do preenchimento de um formulário fornecido pela autarquia.