Miguel Pinto Luz acusa o PS de “enganar” os portugueses

O vice-presidente do Partido Social-Democrata (PSD), Miguel Pinto Luz, esteve ontem em Beja para discutir as alternativas ao Orçamento do Estado do próximo ano com os militantes e deixou duras críticas ao Partido Socialista (PS).

O também vereador da Câmara de Cascais sublinhou que o Orçamento do Estado apresentado pelo primeiro-ministro é “um orçamento de empobrecimento dos portugueses”.

Miguel Pinto Luz exigiu “verdade, seriedade e transparência” referindo que o PSD pretende “devolver aos portugueses capacidade de poder de compra” e, ao mesmo tempo, aliviar a fiscalidade para que as empresas “respirem de outra forma”.

Desde a passada sexta-feira, o presidente do Partido Social-Democrata, Luís Montenegro, o secretário-geral, Hugo Soares, os vice-presidentes e o líder parlamentar têm estado a promover um périplo por todos os distritos do país, onde escrutinam as diretrizes desta legislatura que foi eleita recentemente.

Miguel Pinto Luz, vice-presidente do PSD, garante que as propostas apresentadas pelo partido ‘laranja’ “aliviam os bolsos dos portugueses e as empresas”.