Moura: Convento do Carmo será unidade hoteleira de 4 estrelas

O Convento do Carmo em Moura integrou recentemente o projecto “Revive”, que permite o lançamento do Concurso Público para Concessão de Exploração como Empreendimento Turístico.

O objectivo é transformar o imóvel “numa unidade hoteleira com 50 quartos e com classificação mínima de 4 estrelas. O contrato de concessão prevê um investimento de cerca de 8 milhões de euros”, explica a Câmara de Moura.

De acordo com a autarquia, “o actual executivo, desenvolveu, ao longo dos últimos 12 meses, diversas diligências junto do Turismo de Portugal, e da DGPC – Direcção Geral do Património Cultural para que a integração deste imóvel no Projecto “Revive” se concretizasse”.

O imóvel, cujas origens remontam ao período medieval, tem segundo o Município, “um inestimável valor patrimonial e sentimental para os habitantes do concelho”.

Manuel Bio, vereador da Câmara de Moura refere que o “concurso público está neste momento aberto”, para que os empresários do sector possam fazer o investimento e candidatar-se a explorar o espaço, durante 50 anos, como unidade hoteleira”.

Colocar o Convento do Carmo, novamente ao serviço da população é encarado pelo vereador como “uma prioridade”.

O “Revive” é um instrumento lançado pelo Governo, tendo em vista a recuperação e valorização do património cultural e histórico, presente em todo o território nacional, e a sua transformação num activo económico do país (…).

Este projecto pretende “promover e agilizar os processos de rentabilização e preservação de património público que se encontra devoluto, tornando-o apto para afectação a uma actividade económica com finalidade turística, gerar riqueza e postos de trabalho, promover o reforço da atractividade de destinos regionais, a desconcentração da procura e o desenvolvimento de várias regiões do país”.

Com o lançamento deste concurso, o processo relativo ao Convento do Carmo fica disponível na página de internet do “Revive”, onde os potenciais investidores poderão consultar toda a informação relativa à transformação deste imóvel numa unidade hoteleira.