Novo provedor da Santa Casa já tomou posse

No seu discurso de tomada de pose, João Paulo Ramôa realçou a importância de fortalecer a ligação da Misericórdia de Beja com a Igreja Católica. Estabilidade e continuidade foram duas palavras bastante destacadas pelo novo provedor que quer também reforçar o voluntariado.

Para o seu primeiro mandato, João Paulo Ramôa define quatro projectos estruturantes: a unidade de cuidados médicos, o centro de noite, a recuperação interior da igreja e novas vertentes para apoio domiciliário.

O antigo provedor, António Chícharo, preside agora a Assembleia-geral.