Orçamento Participativo de Odemira chega às escolas

A população é convidada a escolher entre as 14 propostas apresentadas para investimentos públicos.

Para incentivar a participação junto dos jovens, o Município de Odemira leva a mesa de voto junto dos três estabelecimentos de ensino secundário e profissional do concelho.

Poderão votar estudantes, com idades a partir dos 16 anos, que frequentem a Escola Secundária Dr. Manuel Candeias Gonçalves (Odemira), a Escola Profissional de Odemira e o Colégio Nossa Senhora da Graça (Vila Nova de Milfontes). Cada aluno poderá votar duas vezes, desde que os votos incidam em duas propostas e freguesias diferentes.

A urna de voto vai estar na Escola Secundária Dr. Manuel Candeias Gonçalves, Sala Polivalente, entre hoje e sexta-feira.

Ricardo Cardoso, vereador da Câmara de Odemira, espera que desta forma “os resultados [da participação dos jovens] sejam animadores”.

As propostas mais votadas, no montante global de 500 mil euros, serão incluídas no Orçamento Municipal de 2016. O Orçamento Participativo de Odemira tem por objectivo “potenciar o exercício da cidadania participada, activa e responsável, com vista à melhoria da qualidade de vida no concelho”, refere a Câmara.