Parque Urbano da Quinta da Elsa foi inaugurado em S. Teotónio (Fotogaleria)

O novo espaço, com um investimento de 300 mil euros, teve a particularidade de ser acompanhado, desde o início, pelos preponentes. “Há uma envolvência grande de quem apresentou a ideia, e por isso são projectos muito mais sentidos e demorados porque não existe um sentido prático do prazo de execução como tem uma obra normal”, explicou José Alberto Guerreiro.

O Presidente da Câmara de Odemira referiu a importância da participação dos cidadãos, não só nas decisões da gestão do dia-a-dia mas também na escolha e na opção dos projectos a implementar.

“Pelo facto de termos sido eleitos é nossa convicção que discutir projectos – como temos estado a fazer em muitos casos – e dar a oportunidade aos cidadãos de escolher as opções que devem ser implementadas, é um processo para continuar porque acreditamos que poderá melhorar esta relação entre eleitos e eleitores”, concluiu.

O Parque Urbano da Quinta da Elsa integra um parque infantil, zona de pinhal com mesas de apoio, anfiteatro, circuito pedonal, ampla área verde e zona polivalente para promoção de diversas actividades.