Paulo Arsénio considera “muito positiva” autorização de despesa para Palácio da Justiça

Na última reunião de Conselho de Ministros foi autorizada a realização da despesa, pelo Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça, relativa à construção do novo Palácio de Justiça de Beja.

O investimento de 4 milhões de euros vai albergar serviços da comarca espalhados por três edifícios localizados em Beja e um em Ferreira do Alentejo.

A construção do Palácio da Justiça de Beja deverá começar no próximo ano.

Este equipamento vai ser construído em terrenos cedidos pela autarquia.

Paulo Arsénio, presidente da Câmara de Beja, frisa que se trata de um passo “muito positivo” para concretização deste projecto.