PCP acusa Governo de deixar o “distrito de Beja para segundo plano”

O PCP vem em nota de imprensa mostrar aquele que diz ser o seu “desagrado com a posição assumida pelo Ministério das Infraestruturas e Habitação durante a audição na especialidade do Orçamento do Estado”.

Segundo o documento, “não está previsto qualquer investimento” para a região, no que diz respeito à “conclusão do IP8, a eletrificação e modernização da ferrovia entre Casa Branca – Beja – Funcheira e sobre o aproveitamento e rentabilização do Aeroporto de Beja”.

O PCP considera ainda “mais grave a visão e o destino que este Governo quer dar ao atual Aeroporto de Beja referindo mesmo que “Beja tem vocação para ser a grande base Aérea Militar do País”.

Segundo o Partido Comunista Português, o Governo vai “transferir a escola de pilotagem de Sintra para Beja, uma vez que a esquadra de helicópteros do Montijo vai ter que ir para Sintra em virtude da construção do novo Aeroporto de Lisboa no Montijo”.

João Dias, deputado do PCP eleito por Beja refere que os sucessivos Governos têm “deixado o distrito de Beja para segundo plano”.