PCP de Beja promove ação frente ao Hospital de Beja

A Comissão Concelhia de Beja do PCP promove, esta quinta-feira, pelas 14:30 horas, uma Conferência de Imprensa, à porta do Hospital de Beja, para abordar questões relacionadas com a saúde dos portugueses “que não pode ser um negócio”, frisam os comunistas em comunicado.

O PCP de Beja considera que “temos assistido ao encerramento de vários serviços e valências, com a consequente contratação de serviços ao privado”, assim como, “ao desinvestimento no Serviço Nacional de Saúde (SNS), ao nível de recursos humanos, mas também ao nível financeiro, “prática comum dos governos PS e PSD-CDS”.

Segundo os comunistas, esse desinvestimento “levou a que nesta fase pandémica, a resposta do SNS são seja a necessária”.

“Sabendo que há a necessidade do reforço do SNS”, o PCP de Beja acusa o Governo de não ter incluído “uma série de propostas do Partido Comunista Português, no próximo Orçamento de Estado, optando por operações cosméticas que em nada contribuem para apoiar e reforçar um Serviço Nacional de Saúde que deve ser público”.