Pedro do Carmo considera que foram dados “passos no caminho certo”

O deputado do PS eleito por Beja considera que a autorização de despesa de cerca de quatro milhões de euros para a construção do novo Palácio de Justiça de Beja e a promulgação do diploma do Governo do PS que vai permitir aos Institutos Politécnicos, como o de Beja, atribuírem doutoramentos, são “dois passos no caminho certo de concretização de respostas para a região”.

Pedro do Carmo frisa, em comunicado, que “são estes os trilhos que importa continuar a percorrer de forma séria, sustentada e com sentido de futuro, aqui como nas acessibilidades ou na concretização de soluções que recuperem os passivos acumulados, os interesses em manter as razões de protesto em detrimento das soluções e os populismo fáceis”.

O parlamentar assegura que “não há circunstância que desvie o compromisso que assumimos de ter a mesma voz em Lisboa que temos em Beja, em defender em coerência aquilo em que acreditamos, com noção da realidade do país, dos quadros comunitários de apoios e do sentido de futuro que nos move”.