Pedro do Carmo integra Comissão que acompanha o “Portugal 2030”

Pedro do Carmo tomou posse como membro efectivo da Comissão Parlamentar Eventual de Acompanhamento do Processo de Definição da “Estratégia Portugal 2030”.

Em nota enviada às redacções, Pedro do Carmo garante que tudo fará “para que as necessidades da região se façam ouvir e possam ter expressão nas opções políticas para o futuro em Portugal e na Europa”.

O deputado do PS eleito por Beja, adianta que não permitirá que se repitam erros como os consentidos no “Portugal 2020” e cita o exemplo da exclusão do financiamento de algumas necessidades básicas para o Mundo Rural.

Pedro do Carmo considera que “é preciso também aqui dar expressão a um sentido de valorização do Interior e do Mundo Rural que, sabendo ser impossível resolver em cinco ou dez anos o que não foi feito em décadas, sabe marcar um caminho de sentido único, na concretização de soluções para melhorar a vida das pessoas, para responder aos desafios estruturais e para valorizar os territórios do Interior como activos estratégicos de afirmação de Portugal e da Europa, na sua diversidade”.

O parlamentar não tem dúvidas que “a próxima década será decisiva para o progresso do Alentejo e os fundos comunitários serão essenciais para alavancar esse progresso”.

Pedro do Carmo afirma que é um “orgulho” integrar a Comissão.