Projecto “Francelho de Mértola” recebe Menção Honrosa

No âmbito do Prémio ICNF- Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas de 2017- Uma Ideia Natural, a Câmara de Mértola recebeu uma Menção Honrosa com a candidatura do projecto “Francelho de Mértola”.

Este projecto é “direccionado para a manutenção e/ou acréscimo da população de Peneireiro-das-torres (falco naumani)  na vila de Mértola, onde reside a única colónia urbana nacional desta espécie de falcão vulnerável a nível global e nacional”, explica a autarquia em nota de imprensa.

“Francelho de Mértola” resulta da colaboração entre a câmara e o Parque Natural Vale do Guadiana. O projecto “pretende afirmar uma comunidade local que preza e valoriza o seu património no sentido lato; não apenas o edificado, monumental, histórico, cultural ou etnográfico, mas também o seu património natural” acrescenta a mesma fonte.

De acordo com dados do Parque Natural Vale do Guadiana, em 2001 existiam 68 casais de Peneireiro-das-torres, sendo que no ano passado, registaram-se apenas 39 casais o que significa um decréscimo de quase 43% na população.

Localmente as causas identificadas para este decréscimo de população “estão relacionadas com a perda de habitat de alimentação e de habitat de nidificação”, acrescenta a câmara.

Rosinda Pimenta, vereadora do município de Mértola salienta a importância do trabalho de conservação e salvaguarda do Peneireiro-das-torres.