PSD assinala 44º aniversário em Beja

O PSD escolheu a cidade de Beja para comemorar os 44 anos. “Autonomias regionais” foi o tema escolhido para este aniversário.

As comemorações estão agendadas para os dias 11 e 12 de Maio.

De acordo com o PSD, os históricos líderes das regiões autónomas dos Açores e da Madeira, João Bosco Mota Amaral e Alberto João Jardim, serão homenageados.

O Parido Social Democrata frisa que Beja foi escolhida pois “a cidade do interior personifica alguns dos maiores desafios de Portugal no presente, designadamente a necessária reforma da descentralização”.

O PSD adianta que “chamará a atenção para essa agenda, enquanto recorda ainda uma cidade com peso histórico nestes 44 anos de existência do partido”.

A sessão solene das comemorações, a 12 de Maio, terá lugar no Pax Julia, onde, em Abril de 1975, um comício do então PPD foi interrompido por “forças radicais”. O agora Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, participava nesse comício.

O programa do aniversário incluirá ainda visitas e reuniões no distrito de Beja. Serão oradores os homenageados, João Bosco Mota Amaral e Alberto João Jardim; Francisco Pinto Balsemão, fundador e militante nº1; e o presidente da Comissão Política Nacional, Rui Rio.

O militante fundador do PSD em Beja, Marciano Lopes, é o comissário para as comemorações.

O presidente da concelhia de Beja do PSD frisa que se trata de uma decisão importante para uma cidade do interior, afastada dos centros de decisão. José Pinela Fernandes acrescenta que é uma “honra” receber as comemorações em Beja.