Queda de aeronave mata piloto

A aeronave de uma escola de paraquedismo civil de Figueira dos Cavaleiros transportava 8 pessoas. Os passageiros, instrutores e alunos, conseguiram saltar do avião por estarem equipados com paraquedas. O piloto é a vítima mortal.

Relatos de testemunhas e dos sobreviventes dizem que o avião começou a desintegrar-se ainda no ar.

No local estiveram 66 operacionais apoiados por 26 veículos e ainda dois helicópteros do INEM.

Três dos feridos de menor gravidade foram assistidos no local. Dois foram assistidos no Hospital de Beja. Os dois feridos mais graves foram transportados de helicóptero para o Hospital de São José, em Lisboa.