Residência artística junta dança e histórias da pandemia em Beja

O Museu Regional de Beja recebe uma residência artística onde são partilhadas experiências da pandemia durante a dança.

Trata-se de uma atividade gratuita, aberta a toda a população, sem exclusão de idade ou condição física.

A criação é de Catarina Branco. A residência artística arranca a 18 e encerra a 22 de outubro.

As sessões estão agendadas para o período entre as 14 e as 17h30.

Os interessados poderão formalizar a sua inscrição junto do Museu Regional de Beja.