Surto de Covid-19 entre profissionais do Hospital de Beja está ultrapassado

De acordo com o Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA, “o surto de casos de infeção por Covid-19 entre profissionais de saúde da ULSBA está ultrapassado, sendo que os profissionais já receberam alta clínica e já “estão de regresso ao trabalho”.

 O comunicado da ULSBA refere que “é com bastante agrado que comunicamos que o surto de COVID-19 que assolou o Hospital José Joaquim Fernandes, Beja, está ultrapassado”.

“Os 36 profissionais que foram infectados, assim como, os que estiveram em isolamento profilático/vigilância ativa estão todos com alta clínica e de regresso ao trabalho”, diz o documento.

Segundo a mesma fonte, “foram mais de 1200 testes efetuados”, num “rastreio que incluiu todos os funcionários do hospital e das empresas contratadas”.

A Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo realça que “lidou com um surto que chegou a atingir 36 profissionais diretamente, e mais de 60 indiretamente”.

Revela, igualmente, que “ao longo do último mês trabalhámos ainda mais e reforçámos ainda mais a solidariedade inter-pares, saindo deste cenário mais fortes e melhor preparados para as adversidades da pandemia”.