Dois bombeiros em estado crítico no incêndio de Castro Verde

O incêndio que deflagrou ontem à tarde em Castro Verde, Beja, feriu gravemente cinco bombeiros que estavam no combate às chamas.

Dois dos operacionais da corporação de Cuba que estavam na frente de combate ficaram feridos com gravidade.

Ambos ficaram com queimaduras de 2º e 3º grau. O mais velho ficou com 90% do corpo queimado e o mais novo com 50%.

Ao início da manhã desta terça-feira o incêndio já estava totalmente controlado.

As dimensões do incêndio obrigaram ao corte da Estrada Nacional (EN) 2 entre Castro Verde e a localidade de Carregueiro e do Itinerário Principal (IP) 2 entre a povoação de Entradas e Castro Verde.

O alerta foi dado por volta das 17h07.

Para o local foram mobilizados 144 operacionais apoiados por 49 viaturas e quatro meios aéreos.