Turismo com sinal positivo no arranque do ano

O volume de dormidas no Alentejo, em Janeiro passado, cresceu 11,4% face a período homólogo, indicam os dados da actividade turística agora publicados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

As dormidas de residentes aumentaram em todas as regiões, com realce para as evoluções de 13% no Alentejo, 12,8% na Madeira e 12,6% no Algarve.

As dormidas de não residentes seguiram a mesma tendência e cresceram 8% no Alentejo face a Janeiro de 2017.

A taxa líquida de ocupação-cama aumentou. O INE destaca o crescimento de 2,4% verificado no Alentejo.

Na região, em Janeiro passado, os proveitos totais cresceram 8,4% e os de aposento 7% comparativamente com o mês homólogo.

O rendimento médio por quarto subiu dos 13,5 euros em Janeiro de 2017 para os 14,6 euros em Janeiro passado.

Os estabelecimentos hoteleiros e similares do país registaram 1 milhão de hóspedes e 2,5 milhões de dormidas em Janeiro passado, o que corresponde a aumentos de 3,7% no número de hóspedes e de 5,1% nas dormidas.