AABA acusa governo de pretender “extinguir” Ministério da Agricultura

A Associação de Agricultores do Baixo Alentejo (AABA) considera que está em curso o processo de “extinção” do Ministério da Agricultura. 

O fim da secretaria de Estado da Agricultura é o exemplo mais recente.

Francisco Palma, presidente da Associação, sublinha que o Ministério da Agricultura “não tem florestas nem tem os recursos hídricos, tutelas que já passaram para o Ministério do Ambiente e outras que se vão extinguindo”.

Em seu entender, o governo “abdica” da floresta, agricultura pecuária e recursos hídricos, em prol dos grandes centros urbanos.

Francisco Palma afirma que o PS “a única coisa que quer é centrar-se nos votos dos meios urbanos, dos reformados e dos funcionários públicos esquecendo por completo todo o interior e o resto do país que representa mais de 80% do território”.