ANAFRE quer celeridade na desagregação de freguesias

Foto: ANAFRE

O Conselho Diretivo da Delegação Distrital de Beja da Associação Nacional de Freguesias (ANAFRE) defende a celeridade na desagregação.

No distrito de Beja foram enviados 12 processos de desagregação de freguesias para a Assembleia da República (AR), sem que ainda nada se saiba sobre os mesmos.

Esta foi uma das matérias abordadas na última reunião da Delegação Distrital onde esteve presente o vice-presidente da ANAFRE, Jorge Amador.

A ausência de informação sobre o aviso de candidaturas por parte das Juntas de Freguesia a fundos comunitários da União Europeia, no próximo quadro comunitário Portugal 2030, foi outra das matérias em cima da mesa, explica Vítor Besugo, presidente da Delegação Distrital de Beja da ANAFRE.

Após o sucesso do Encontro de Autarcas de Freguesia, realizado em Beja, no passado dia 11 de março, ficou programada a realização de um novo encontro no início de 2024, adianta Vítor Besugo.

A Delegação de Beja da ANAFRE conta com 71 freguesias do distrito associadas. Espera até final do ano conseguir as quatro em falta para chegar aos 100% de filiados.