Arquitectos estudam Bairro Alemão em Beja

Beja recebe, a partir de hoje, o Laboratório de Arquitectura “Torre dos Solteiros”, no Bairro dos Alemães.

A iniciativa pretende promover a reflexão e produzir um conjunto de desenhos e maquetas para a reabilitação, reconversão ou alteração da “Torre”.

Segundo os promotores do Laboratório, “é objectivo fundamental colocar

em evidencia a Arquitectura do Bairro dos Alemães a partir desta peça notável, agora em desuso, e estabelecer um mote para o reconhecimento do Bairro como um conjunto relevante na história da Arquitectura Portuguesa”.

Este trabalho, sob a direcção dos arquitectos Rui Mendes e Manuel Faião, junta vários especialistas convidados e um grupo de 20 alunos de arquitectura de todo o país.

O arquitecto Rui Mendes explica que este projecto do Laboratório direcciona-se para “lugares e territórios esquecidos, em desuso, ou conjuntos que permanecem desconhecidos”.

Os estudos, esboços e maquetas vão ser expostos no final da semana. O Bairro Alemão tem características muito particulares e, na óptica dos especialistas, é um “segredo por desvendar”.

O Laboratório de Arquitectura “Torre dos Solteiros” encerra na próxima sexta-feira.