Autores de BD desenham ao vivo em Beja

Pelo segundo ano consecutivo, o centro histórico da cidade, em especial o Largo do Museu, é o palco da iniciativa.

São dezoito exposições vindas de dez países diferentes que marcam presença nesta 13.ª edição. Para além das exposições, o Festival oferece aos visitantes uma programação paralela onde pontuam as apresentações de projectos, as conversas à volta da BD, o lançamento de livros, as sessões de autógrafos, workshops ou os concertos desenhados.

O Festival volta ainda a apostar no Mercado do Livro, com mais de 60 editores presentes e uma zona comercial com várias tendas instaladas.

As noites de hoje e amanhã são de concertos desenhados. Os primeiros três dias são ainda marcados pela presença dos autores das exposições.

Paulo Monteiro, director do Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja, sublinha que os concertos desenhados são uma “oportunidade fantástica para ver os autores a trabalhar ao vivo”.

O Festival pode ser acompanhado no site www.festivalbdbeja.com ou em www.facebook.com/bedetecabeja.