Beja é dos primeiros distritos a receber mudança da TDT

O Distrito de Beja vai ser dos primeiros a fazer o processo de mudança da Televisão Digital Terrestre (TDT) depois de Sines e Algarve.

A mudança deve-se “à necessidade de mudar as frequências da TDT” em virtude do “alargamento à rede 5ª Geração”, explica o Presidente da ANACOM, João Cadete de Matos.

O processo começa a ser efectuado a partir de Fevereiro de forma gradual, até atingir todo o território português.

O assunto foi abordado na reunião que decorreu, hoje, na CIMBAL- Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo entre o presidente da ANACOM e os autarcas do Baixo Alentejo.

João Cadete de Matos diz, ainda que manter o acesso, da população, à televisão gratuita, é um dos objectivos da ANACOM.

Para facilitar todo o processo, existe um número de apoio ao cliente que  está disponível todos os dias das 9 às 22 horas.

Jorge Rosa, presidente do Conselho Intermunicipal da CIMBAL e presidente da Câmara de Mértola, disse à Rádio Pax que relativamente à cobertura que a TDT tem na região “há problemas que continuam por solucionar”.

Para além deste assunto, no encontro desta manhã, esteve também em cima da mesa, a questão das estações e postos de correio no Alentejo.

Marcelo Guerreiro, presidente da Câmara de Ourique, defendeu, “urgência da distribuição do correio e do serviço postal respeitar mínimos de qualidade e regularidade em função das necessidades das populações”.