Beja volta a ser a “Capital dos Contos do Mundo”

Arranca hoje, em Beja, o CONTAR – Festival de Contos do Mundo. Até domingo, o poder da palavra é o ex-libris deste Festival que vai percorrer vários pontos do centro histórico da cidade, centrando-se no edifício da Santa Casa da Misericórdia.

A organização pertence à Câmara de Beja, à Ouvir e Contar – Associação de Contadores de Histórias, ao Centro Unesco para a Salvaguarda do Património e à Santa Casa de Beja.

Cristina Taquelim, da Associação de Contadores, coloca expectativas elevadas para estes dias de contos. Este é o primeiro ano que o Festival vai ganhar caracter itinerante.

O Festival arranca hoje, na Biblioteca Municipal, segue depois para a Igreja de Santa Maria para uma sessão de contos ao ar livre.

O património imaterial está em destaque. O Centro Unesco é um “parceiro estratégico” nesta vertente, refere Cristina Taquelim.

A partir de sexta-feira, o programa intensifica-se até domingo.