Câmara de Beja integra seis pessoas

A Câmara Municipal de Beja vai integrar 6 pessoas portadoras de deficiência, incapacidade ou capacidade de trabalho reduzida ao abrigo do programa “Emprego Apoiado em Mercado Aberto”, do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP).

Estes trabalhadores já se encontravam a colaborar com o Município, através de outros Programas, e têm agora a oportunidade de ser integrados em vários serviços municipais.

Estes contractos têm uma duração de 24 meses e a possibilidade de renovação, até ao limite máximo de 18 anos.

O executivo da Câmara Municipal de Beja assume-se como “facilitador na promoção da inclusão real, valorizando a diversidade que existe dentro da igualdade”, explica Marisa Saturnino, vereadora do Município.